10 truques para melhorar a bateria do seu celular ou smartphone

As principais empresas de celulares desenvolveram sistemas operacionais avançados, como iOS, Android, Windows Phone, etc., que são poderosos o suficiente para permitir a execução de jogos, ouvir música, tirar fotos, navegar na Internet e gravar vídeos entre muitas outras coisas.

Esta multifuncionalidade, claro, afeta a bateria que se tornou uma das principais preocupações dos desenvolvedores.

Uma solução concreta para este problema ainda não foi encontrada, e enquanto esperamos, a única alternativa é seguir algumas práticas que podem conservar a vida útil da bateria o maior tempo possível.

Desativa a função de vibração.

O vibrador do smartphone é ideal para notificar chamadas ou mensagens de texto quando estamos no cinema, em uma reunião ou sempre que precisarmos que o telefone fique em silêncio. Em locais onde isso não é necessário, e se quisermos conservar a bateria, é melhor usar um toque para notificações.

As vibrações usam mais energia do que sons. O som produzido por um ringtone é pequenas vibrações no alto-falante do telefone, enquanto usá-lo em um vibrador faz todo o equipamento se mover, o que consome mais bateria. O mesmo se aplica no caso de vibrações no sistema de toque, como por exemplo no Android. Será melhor desativar isso também.

Diminui o brilho da tela.

Isso é drástico para a bateria. É melhor usar o ajuste automático que ajustará o brilho ao seu nível ideal, tanto para leitura quanto para conservação da bateria. A outra opção é reduzir o brilho o máximo possível, tentando nos permitir ler sem forçar os olhos. Este não será o smartphone que determina o nível de brilho, mas permanecerá em um nível baixo que consumirá muito menos energia.

Diminui o tempo que a tela é desligada.

É aconselhável reduzir o tempo que leva a equipe para desligar a tela quando não estamos interagindo com ela, já que nem todos têm o hábito de desligá-la quando terminam o que estavam fazendo. Diminuir esse tempo fará com que o telefone não perca energia quando não o estivermos usando.

Desligue quando estiver inativo.

É verdade que ligar um smartphone consome mais bateria do que desbloqueá-lo, no entanto, é aconselhável desligá-lo completamente por algumas horas, em vez de deixá-lo inativo. Se você souber que não tocará em seu telefone por um longo período de tempo, seja porque tem uma reunião ou porque vai dormir, pode economizar uma quantidade considerável de energia simplesmente desligando-a.

Eles se perguntarão por que devemos desligá-lo enquanto dormimos, se pudermos deixá-lo carregando em silêncio. Bem, o problema é que o carregamento repetitivo em certos tipos de baterias fará com que seu volume seja consumido. Nesses casos, é melhor mantê-lo o maior tempo possível para que a bateria mantenha sua capacidade original.

Carregue sua bateria corretamente.

Existem geralmente dois tipos de baterias recarregáveis ​​que são usadas em smartphones: lítio e níquel (dividido em cádmio e metal). A capacidade das baterias de níquel metálico (NiCd), por exemplo, é reduzida a cada carga. A vantagem é que o ciclo de vida dessas baterias é mais longo, ou seja, elas podem ser carregadas mais do que uma bateria de níquel-cádmio (NiMH) antes de pararem de funcionar. Em ambos os casos, as baterias de níquel devem ser carregadas quando estiverem praticamente sem energia.

As baterias de lítio são aquelas que possuem o ciclo de vida mais longo desses três tipos. A desvantagem é que eles precisam ser carregados com mais freqüência, mesmo quando a bateria não foi usada, para manter sua capacidade original.

Para fazer sua bateria durar mais tempo, descubra qual desses três tipos usa seu smartphone e carregue-o conforme apropriado para que seu uso seja ideal.

Feche aplicativos desnecessários

Às vezes é muito comum abrir o aplicativo após o aplicativo sem se preocupar em fechá-lo depois de não usá-lo. Essa capacidade de multitarefa é uma característica comum dos smartphones e uma das principais razões pelas quais a bateria se esgota com facilidade. O pior é que a energia é perdida quando não a estamos usando.

Feche os aplicativos que você não usa quantas vezes puder. Existem também alguns aplicativos que gerenciam as tarefas executadas em um smartphone que permitem que a bateria seja conservada. Para o Android, por exemplo, o Advanced Task Killer é um dos mais usados.

Desativar o GPS.

Alguns aplicativos consomem mais bateria do que outros, é o caso daqueles aplicativos que usam o GPS para rastrear sua localização. A unidade GPS permite que os sinais sejam enviados e recebidos de e para satélites para determinar a localização exata, o que é essencial para alguns aplicativos serem executados, como o Google Maps.

Embora não estejamos usando esses aplicativos, é provável que os sinais continuem a ser enviados e recebidos, o que afeta consideravelmente a bateria. Verifique se eles estão fechados ou desativam diretamente a opção de localização quando eles perguntarem.

Desativar Bluetooth, WiFi, 3G / 4G quando não estiver em uso.

A bateria é consumida cada vez que o smartphone procura sinais, seja WiFi, 3G / 4G, Bluetooth, etc. Quando a recepção é ruim, o telefone irá procurar constantemente até encontrar uma boa conexão. A pesquisa repetida desses sinais pode diminuir facilmente o nível da bateria para zero.

Se você não precisa conectar o computador, é melhor desativar essas opções. O mais rápido é provavelmente passá-lo para o chamado Modo Avião ou simplesmente desligar o telefone se você sabe que não receberá nenhum sinal.

Minimizar notificações

Estando permanentemente conectados à Internet, os smartphones tendem a receber notificações o tempo todo, seja atualizações, notícias, e-mails e assim por diante. Isso não é apenas chato, mas consome muita bateria. Cada notificação ativará a tela, emitirá um som ou uma vibração, consumindo energia. Desativa notificações desnecessárias

Mantenha uma temperatura baixa.

Alguns terão notado que a bateria é consumida rapidamente quando o smartphone tiver mais temperatura. É simples, não o deixe sob luz solar direta ou em qualquer lugar com calor. A operação da bateria será ideal em ambientes mais frios, então tente não expor seu telefone a altas temperaturas.

11. Teste com aplicativos

Para qualquer tipo de celular, existem diferentes tipos de aplicativos para fazer isso, um deles é  Juice Defender, que são excelentes para telefones  iPhone e Android.

Deixe uma resposta